GRATUITO: COLD HOT HOMENAGEIA 50 ANOS DE TONINHO HORTA

GRATUITO: COLD HOT HOMENAGEIA 50 ANOS DE TONINHO HORTA

Evento é gratuito com ingressos retirados via GoFree
Crédito Vitor Maciel

Este fim de semana, dias 6 e 7 de julho, vai rolar a 4ª edição do festival Cold Hot com uma celebração especial: os cinquenta anos de carreira do músico e compositor mineiro, Toninho Horta!

A praça do Centro de Cultura Presidente Itamar Franco (Sala Minas Gerais), no Barro Preto, vai receber o evento que tem entrada gratuita com ingressos retirados na plataforma GoFree.

Acompanhado pela Orquestra Fantasma, Toninho Horta  se apresenta no dia 6 lançando o novo álbum, “Belo Horizonte”, composto por um livro encarte de 120 páginas que conta a história de Horta, do Clube da Esquina e outras importantes passagens do cenário musical da capital mineira.

Além dele, o Festival terá também o lançamento da Minas Soul Blues Company – que terá a participação especial do guitarrista e co-fundador do grupo 14 Bis, Cláudio Venturini -, com um repertório rico em blues e jazz, trazendo alguns covers de Beatles, Queen e Led Zeppelin.

O line up ainda traz Happy Feet Jazz Band, Berimbrown, Audergang, Enéias Xavier Trio – com a presença do saxofonista e letrista da banda Skank, Chico Amaral -, Shelo & Lobo Blues Band e Thunder Blues.

Cine Mundo

Outras atrações
O Cold Hot vai apresentar também a exposição do fotógrafo Sérgio Poroger, “Cine Mu(n)do”, que revela os bastidores das salas de cinema ao redor do Brasil e do mundo, dando luz aos profissionais, como bilheteiros e projecionistas, que atuam para que a obra da sétima arte seja exibida com qualidade e precisão.

Com curadoria de Bob Wolfenson, Cine Mu(n)do dá sequência ao livro fotográfico Cold Hot, de Poroger, que inspirou o nome e o conceito do evento. A exposição traz 10 imagens que ilustram o trabalho em salas de cinema que fogem do circuito tradicional nos Estados Unidos, Holanda e Brasil (interior de São Paulo e Ceará/Fortaleza).

“Passei por cenários diversos – dos grandes centros a pequenas localidades, ao redor do mundo. Os cinemas de rua não falam apenas sobre a história da indústria cinematográfica, mas, cada qual à sua maneira, ilustram dinâmicas sociais das cidades que os hospedam. Transformar esses encontros em imagem foi – e tem sido – o maior desafio”, enfatiza o fotógrafo.

Além disso, intervenções de arte visual serão feitas pelo artista Leandro Caram, especialista em ilustração e pintura com técnicas que vão do pontilhismo ao abstrato. Para o festival, ele apresentará a exposição ‘Minha Cidade Natal’, em que mostra seu olhar artístico e cheio de cores sobre pontos famosos da cidade como o pirulito da Praça Sete, Viaduto Santa Tereza e outros monumentos.

Para saborear
A gastronomia do festival será pautada na diversidade e pluralidade de BH. Restaurantes renomados e também os denominados de ‘baixa gastronomia’ assinam o menu do evento. A curadoria foi feita pelo produtor cultural Marcelo Wanderley Alves, com o objetivo de promover um intercâmbio gastronômico reforçando o apoio à candidatura de da capital como Cidade Criativa da Unesco por sua gastronomia.

Anote!

Festival Cold Hot
Data: 06 e 07 de julho
Horário: Dia 06, das 12 às 22h. Dia 07, das 12 às 20h.
Local: Praça do Centro de Cultura Presidente Itamar Franco (Sala Minas Gerais)Rua Tenente Brito Melo,1090 – Barro Preto
Link para retirada dos ingressos: https://www.facebook.com/events/2321092384604382/

Categorias
Música
Comente pelo Facebook

RELACIONADOS POR