ALCIONE COMEMORA 45 ANOS DE CARREIRA EM BH

ALCIONE COMEMORA 45 ANOS DE CARREIRA EM BH

A dama do samba brasileiro traz os grandes sucessos para o show no Minas Em Cena Hall
Foto Elizeu Fiuza

A grande cantor a de samba Alcione vem a BH no dia 8 de junho, sábado, para um show em comemoração aos 45 anos de carreira às 21h, no espaço Minas Em Cena Hall (Av. Coronel Oscar Paschoal, s/n, – Pampulha, Belo Horizonte – MG – ao lado do Museu do Mineirão).

O show celebra também a sua vasta trajetória na música que a condecorou com mais de 350 prêmios, entre nacionais e internacionais como o Grammy Latino, honrarias, títulos e comendas.

O novo projeto – Eu sou a Marrom -, teve início com o lançamento da turnê no final de 2018 em um espetáculo realizado na Ribalta, no Rio de Janeiro, com as participações de Maria Bethânia e da Bateria da Estação Primeira de Mangueira.

“Eu sou a Marrom” é um projeto multifacetado com inúmeros itens que serão lançados no decorrer de 2019. Primeiramente, um documentário, parceria da Marrom Music com a Documenta Filmes e em seguida a biografia da artista, que será um livro escrito pela jornalista Diana Aragão. Além disso, um musical, em parceria com a Fato Produções Artísticas.

Foto Elizeu Fiuza

Trajetória

Nascida em São Luís do Maranhão, Alcione é a quarta de nove filhos do casal João Carlos e Felipa. Formou-se professora primária em sua cidade, mas em 67 mudou-se para o Rio de Janeiro. Marrom, apelido que ganhou desde o início de sua carreira artística, detém um glorioso currículo que inclui os principais palcos do Brasil e do mundo, já tendo cantado em mais de 30 países.

Gravou 03 compactos: Figa de Guiné (1972), Tem Dendê (1973) e Os Melhores Sambas Enredo de 75 (1975) e  21 LPs como A Voz do Samba (1975), Simplesmente Marrom (1989), Nos Bares da Vida (2000), Faz Uma Loucura Por Mim Ao Vivo (2004), Eterna Alegria (2013),  entre outros.

Por alguns desses álbuns, ganhou 25 Discos de Ouro, 07 de Platina, sendo 02 de Platina Duplo, 03 DVDs de Ouro e 01 DVD de Platina. Em sua galeria de troféus – com mais de 350 peças – possui títulos e honrarias que poucos artistas conseguiram obter ao longo de suas carreiras como: Ordem do Rio Branco (a mais alta comenda do Brasil), as Medalhas Pedro Ernesto e Tiradentes (concedidas pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro), Medalha do Mérito Timbiras (a maior comenda concedida pelo Estado do Maranhão), Medalha Daniel De La Touche (concedida pela Câmara Municipal de São Luís) e Medalha Luiz Gonzaga (concedida pela Câmara Municipal de São Paulo);

A vida de Alcione virou um documentário chamado “Eu Sou a Marrom”, coproduzido pela Documenta Filmes, Globo Filmes/Globo News e Canal Brasil. Assista ao trailer:

Anote!

Eu sou a Marrom em BH
Data: 08 de junho, sábado
Horário: 21h (abertura dos portões às 19h30)
Local:
 Minas Em Cena Hall – Av. Coronel Oscar Paschoal, s/n, – Pampulha, Belo Horizonte – MG – ao lado do Museu do Mineirão
Ingressos:
Pista: R$ 80 (lote promocional até 27/04)
Front Stage: R$ 90 (lote promocional até 27/04)
Vendas: http://www.zapify.com.br/eu-sou-a-marron/
Classificação etária: 18 anos
Realização: NCS Produções e Eventos

Categorias
Música
Comente pelo Facebook

RELACIONADOS POR